AH, O DIREITO BURGUÊS

moro-diz-que-nova-prisao-de-leo-pinheiro-nao-tem-relacao-com-acordo-de-d

O direito burguês, aquele oriundo das regras desenvolvidas pela sociedade, a mesma sociedade que assinou lá atrás aquele pacto para conviver em harmonia, sabe?
O direito burguês que rege nossa sociedade ocidental e, mais especificamente – para não ofender os países ocidentais onde o direito também é justo -, nosso Brasil em eras de pós-verdade. Que por muitos anos se revestiu com o mantra de ser aquilo que separaria os meninos dos homens e garantiria nosso convívio “saudável”.
O direito burguês que, ao menos em uma grande maioria de países do ocidente moderno, está baseado no princípio da presunção de inocência. E o que nós, povo metido a besta, fizemos, há muito tempo – alguns dirão que nunca tivemos – …? Jogamos este na lata do lixo, decidimos agir, num intervalo de três anos, politicamente quando escancaradamente – e nos laudos -, réus participavam de um processo jurídico.
A queda dos dois símbolos do maior partido de esquerda (de “esquerda”) do país. Os fogos de uma elite movidos pelo astuto pensamento de uma Classe Média Branca. “Já estamos cansados de ouvir isso!” “Golpe? Perseguição política?! balela! A-c-e-i-t-e-m, petistas, que dói menos! Seus íderes corruptos julgados! Ela impichada e ele vai pra cadeia (?)!”

Ah, o direito burguês que nos fez acreditar que poderia ser diferente, que poderiam seguir a lei. Já não a seguem com indivíduos de menor expressão todos os dias nas periferias desse brasilzão, poxa! Por que seria diferente com aqueles que, a bem da verdade, para o pensamento da Classe Média, são a periferia, são os pobres que chegaram lá e deram algum sustento para outros pobres, no popular: “para que o filho da empregada esteja na mesma universidade da filha da patroa”.
Ora, esse direito burguês sabe enganar direitinho, ein?! Me fez de bobo, nos fez de bobo (?)

É nessa situação cabulosa que nos encontramos que lembramos que o direito burguês por muitas vezes serve à classe burguesa e não a nós, e não aos burgueses que ousam trair seu pensamento de classe, esse direito não nos pertence.
Sem provas, com convicção; isso basta dentro do nosso brasilzão.

Não, a sapiência não vence a malícia.

Advertisements

BEM VINDOS À NOVA ESFERA DO CAOS

“Eu sou doutor em ciência política e mesmo assim não faço a mínima ideia do que está acontecendo. Opinem à vontade” – Li num tweet. Risos.
black-hole-hawking_1024
Estamos passando pelo olho do furacão. Será? Com mais um reviravolta na política naional parece que atingimos aquele estágio em que as coisas começam a não mais fazer sentido, a não mais criarem nexos umas com as outras. Meros espectadores, é o que somos.
E o Cunha? O senhor do caos se viu traído, arrebatou seus aliados corruptos da Câmara e trçou um novo trajeto – quem com ferro fere, com ferro será ferido, já dizia o ditado -, este que não inclui nem DEM, nem PSDB muito menos MBL… Poxa, Kataguiri, você virou a casaca cedo demais, e agora choraminga as cucunhas no twitter, sem moral alguma e criando uma onda ainda maior de desinformação do povo prasileiro, parabéns, você consegue ser tão execrável quanto o PIG. A respeito do famigerado, posso apenas dizer: se é isso que vocês procuram, hão de conseguir!
A desinfomação está gritante e nítida de tal maneira que podemos resumir a mídia nativa em uma frase: “Os caras não tão nem mais tentando esconder”. Esdrúxula e maldosa, vêm se pondo como um dos piores meios de informação do país, mas fazer o quê? Se do outro lado temos a internet… o facebook (pff), o twitter (pff), o You Tube (pff) – salvo poucos navegantes.
O Senado já avisou que manterá a votação para quarta feira, o que deverá judicializar novamente o ocorrido de hoje que foi, por momento, um respiro em uma São Paulo no horário de pico. Crise institucional como nunca antes vista desde as tensões pré abril de 64, acrescido da oligarquia rentista empresarial jurando que irá revogar cada direito social existente.
Imagino eu, tendo que explicar as próximas gerações o que estou presenciando no auge da minha vida como estudante. Loucura, simplesmente. Isso é o caos. Caros amigos estudantes de história e futuros escritores dos livros: como faz? como farão? Como não enlouquecer perante a uma situação que para um todo soa como a desordem total?
Espero que as massas de manobra estejam vendo o resultado da presepada que é não respeitar a Constituição.
Mas não se enganem… há ordem no Caos, há espaço depois do buraco negro.

NADA DE NOVO SOB O SOL

JÁ DISSE João Carvalho no twitter: A diferença entre fazer acordos com o Diabo e com o PMDB é que o Diabo vai cumprir o acordo.
Temer decidiu entrar na ciranda do Impeachment e posar de santo. Óbvio, escolheu um dos meios mais retrógrados de praticar sua “saída de mestre”. Perto de se desvincular oficialmente da presidenta Dilma, o vice-presidente e líder do PMDB salvou algumas horas de seu dia para redigir uma das cartas mais desnecessárias dos últimos tempos. Fernando Henrique sentiu-se deixado de lado. Mas não mais do que Temer tentou passar ao “vazar” sua carta à Dilma.
A situação do “quanto pior, melhor” agora sorri a Temer e ele, como excelente político que é, não deixou ela passar a abraçou com um aperto de pai e filho. Se Dilma cair, Temer assume, logo, deixou ‘claro’ a população de que não merece ouvir panelaços. Se bem que não estou muito confiante que os teleguiados do PIG farão algum alarde caso Temer assuma. São frouxos.
Cunha periga cair, e pior, ser preso pela PF, isso acabaria com a imagem do PMDB no Brasil – sem a ajuda do PIG, olha só! – e dificultaria o segmento do mandato de Temer. Isso intriga não só ele, mas também íderes importantes do PMDB, como Renan Calheiros e Requião. Cunha tem que ser dado sempre como uma pedra no sapato do “Plano Temer”.
Nada de novo sob o sol, o antigo MDB agora se divide e rompe com o governo para tentar se estabilizar no poder, isso já deu errado uma vez, mas na câmara eles ainda são fortes. O povo pouca importância dá ao PMDB, vários mal conhecem o partido e sua história. Isso é perigoso (dar poder a quem não se conhece).
Enquanto o golpe vai se encaminhando na câmara, “Dilma perde apoio de Temer”, ou melhor, “Temer assume o recalque de nunca ter sido ‘usado’ por Dilma”.
“Dilma nunca confiou em mim”, relata o vice.

Combinemos, Temer, ninguém nunca confiou em você.

magritte-ceci-nest-pas-un-pipe-_rene-magritte

O “ROLEZINHO DO IMPEACHMENT” VAI QUEBRAR A CARA

Verdades factuais desestabilizam o establishment.

Inúmeras bobagens e deslizes em sequência protagonizados pelo governo – principalmente o federal – vêm se tornando o arranque que faltava para a indignação do povo. Basicamente, o preço a se pagar por isso é o levante do golpismo a serviço da imoralidade que não mais paira sobre o país, mas sim intencionou sua caminhada à desordem total e exponencial.

Quem assiste hoje o Congresso Nacional fazer o que faz em favor da plutocracia e do conservadorismo antiquado já entendeu como vai ser encaminhado o projeto de Impeachment da presidenta Dilma, caso 2/3 da Câmara vote a favor.

Na medida em que falhamos desse lado em lutar em prol da democracia, não sabendo criticar pontualmente as falhas estratosféricas que o governo vem fazendo, abrimos espaço para os saudosistas, que sempre possuíram uma lábia convincente e estruturalmente audível aos ouvidos da população menos culta, ou seja, está hoje muito mais fácil de convencer que o Impeachment é a “luta pela democracia” do que explicar que Impeachment não é solução pra acabar com governo que não se gosta, que todos os fatores por trás do impeachment configuram o golpe.

A gangue do golpe, citada em um curto vídeo que publiquei na minha página do Facebook (clique aqui) consegue produzir um empobrecimento cognitivo que atingiu até os mais bem estudados da população brasileira. A regra do “quanto pior, melhor” está saindo melhor que a encomenda.

Porém não é por esse fato que o povo se decepcionará, visto que muitos desejam o impeachment da presidenta e fingem rechaçar Eduardo Cunha – a gangue do golpe não! Aécim, Fernando Henrique, Nardes e Gilmar são intocáveis – ou apenas soltam duas ou três frases contra o parlamentar que – esse sim – é um tremendo gângster e enche os bolsos do Tucanato nacional.

O povo espera um salvador, um Batman, porém esse Batman não existe, pois o sistema o impede de existir. O alívio que o povo vai ter – o povo hipócrita – caso a presidenta seja deposta durará uma noite, pois na cabeça corroída de ódio tanto da direita liberal quanto dos conservadores eles conseguirão ou novas eleições (que provavelmente colocariam Aécim no poder) ou derrubar Temer, vice de Dilma.

Temer é um homem inteligente, nisso aquele lixo cancerígeno que é a revista Veja estava correta, numa matéria tentando enaltecer o então vice presidente, conseguimos entender que Temer é a salvação da direita para recuperar o poder definitivamente – como se já não o tivesse recuperado, é só vermos esse congresso -.

“Temer, O Santo”, já prevejo o gozo político do O Globo, da Folha, do Correio e de todo PIG. Nada consta contra o vice-presidente, como tirá-lo do poder?

Entendeu? Dilma sai Temer não. E não há nada que os manifestantes orgulhosos e a Elite Branca possam fazer a não ser bater umas panelas em suas varandas gourmet… Oh, não. O PT não estará mais no poder, a empregada já pode recolher tudo para o guisado de sábado.

micheltemer

DA ESQUERDA PARA A ESQUERDA

esquerda-e-direita

Nessa onda de papos ideológicos com diferentes jovens, me veio à cabeça conversar também com a ala progressista de esquerda com quem compactuo.

Meu convidado dessa vez foi Carlos Eleonay Meirelles Garcia, de 18 anos. Viramos colegas de Facebook no começo do ano e sempre discutimos a respeito de futebol (dois torcedores do Barcelona e fãs de Leo Messi) e política, principalmente.

Carlos me contou sobre suas visões a respeito da situação política, do Partido dos Trabalhadores, economia e como deve ser feita a mobilização dentro da esquerda. Acompanhe.

A grande massa não tem nenhum benefício pelo caráter político atual. Há tempos a política dentro do Brasil tem se tornado bipartidarista, entre PT e PSDB, com isso a disputa tem aumentado ao ponto do interesse se restringir por parte do PT em se manter de qualquer forma, e do PSDB de alcançar a presidência; com ambos aplicando uma política neoliberal. A massa ainda sofre demasiadamente com a influência de mídia e por isso não amplia a visão sobre esse cenário, mantendo o foco sobre os dois partidos, e ainda tratando o PT, como um partido de esquerda, sendo que se apresenta reformista. Toda essa situação aliena o povo, que se encontra sem nenhum ganho, enquanto a disputa política partidária reprime os desejos e a necessidade do povo.

Sobre todos esses anos do governo petista: Pros: os avanços em todos os campos foram notáveis, desde educação até economia. A ampliação das UF’s e dos programas universitários, a criação de acordos com países emergentes (como o Brasil) foram os fatores mais positivos. Contras: o governo não mudou a estrutura social! Por mais que a pobreza tivesse diminuído, ainda manteve latifundiários, empresários e diversos burgueses em constante ascensão! Não realizou mudanças de base como reforma agrária, além de ter buscado manter-se no poder por coligações de puro interesse governista, criando um caráter neoliberal e reformista.

Sobre a instabilidade econômica: Bem, eu não tenho uma visão tão ampla dessa área, vejo de forma bem restrita até, mas vejo que o maior fator para isso foi a grande facilidade de crédito criada em meio a crise de 2008. O Brasil havia encontrado recursos econômicos desde Lula, e não fez uma “poupança” desses recursos, e dentro de um mercado liberal se encontrou refém do mesmo. Mas devido aos recursos obtidos, a crise atrasou chegar aqui, e devido aos mesmos recursos, encontramos “somente” uma instabilidade, que infelizmente é característica do neoliberalismo.

UM PAPO LIBERAL

11900766_1165733150121678_2139454677_o

AMIGOS E POLÍTICA…

Quem não tem aquele amigo para todas as horas… Menos na hora de debater política, aí a pessoa vira aquele pé no saco, só faz discurso apaixonado e baixa o nível da discussão? Pois é, sempre temos nossos prós e contras, porém não é por isso que perderemos nossa amizade, certo?

O mais interessante é quando opiniões adversas é a razão para certa aproximação, visto que para muitos são nessas situações que tudo vira um “deus nos acuda”, é interessante ver como o debate saudável aproxima as pessoas.

Aproveitando o gancho que as manifestações pró-impeachment, no próximo dia 16 de agosto está dando, resolvi exibir pontos de vista diferentes dos meus para que os leitores progressistas do blog vejam, com respeito e sem nenhuma balbúrdia, o que pensa um liberal. É claro que a opinião do meu convidado não representa a massa direitista brasileira,é apenas um colega da mesma idade que eu,  jovem adulto – classe essa que se diz mais interessada em política ultimamente – do estado de SP.

Conversei com Guilherme Mazetto, estudante de Psicologia (19 anos) da UFTM.

Preparei para ele um batalhão de perguntas sobre a política atual e situação do país e pedi para que ponderasse os fatos e me respondesse se no final vale a pena ou não arriscar a saída da presidenta Dilma Rousseff do planalto. Acompanhe:

COMO LIBERAL, COMO VOCÊ VÊ A SITUAÇÃO POLÍTICA PARA A GRANDE MASSA HOJE?

O Brasil de hoje, ao meu ver, é uma grande bagunça que funciona por teimosia e abundancia de recursos. Se por algum motivo um país com menos recurso se colocasse na mesma situação que o Brasil, entraria em colapso. No entanto, o brasileiro é acomodado e a riqueza é abundante. Temos comida, temos entretenimento barato e parcelamos nossos bens de consumo duráveis sem se importar muito com os juros.

Os maiores prejudicados no momento são os pequenos empresários, trabalhadores sem formação e os recém formados. Os pequenos empresários enfrentam infinitos empecilhos para se alocar no mercado, a maioria deles devido à burocracia governamental. Os trabalhadores sem formação são improdutivos (não necessariamente por opção própria) e não têm nada os empurrando para melhorar sua produção, então acabam ficando com as posições mais chão de fábrica, se é que conseguem algum trabalho com carteira. E os jovens recém formados, convencidos com seus conhecimentos universitários, não aceitam começar por baixo e acabam desempregados por opção.

 QUAIS OS PRÓS E CONTRAS QUE TODOS ESSES ANOS DE PT GERARAM PARA A POPULAÇÃO?

Pergunta difícil. Alguns diriam que o PT fez muitas universidades, o que não é verdade. O PT na verdade institucionalizou algumas escolas e faculdades como universidades, mas as mesmas já eram federais. Eu diria que o governo de Lula foi bom no sentido de estabilizar a economia por um tempo suficiente para se formar novos profissionais, mas o da Dilma praticamente foi uma descida sem parada. Os contras são infinitos, mas isso não é exclusivo do PT. Todo governo é passível de crítica. O mais fundamental seria um aparelhamento do sistema público para a manutenção do poder, através de dois meios: políticos (com alianças corruptas envolvendo desvios gigantescos de obras públicas para interesses do partido) e popular, com a compra de veículos midiáticos de grande impacto e pouca fiscalização, como blogs, páginas no facebook/twitter etc. Esse cenário praticamente impossibilita uma reação do povo ou da oposição sem aparentar “golpismo”, e cada informação contra o governo é atacada por todos os lados. Os que sobrevivem são chamados de extremistas.

SENDO A ESTABILIDADE ECONÔMICA UMA MARCA DO GOVERNO LULA, O QUE DEGRINGOLOU NESSES ÚLTIMOS CINCO ANOS?

Eu diria que a má gestão dos ministros da fazenda combinadas com a péssima gestão internacional da presidente, péssima escolha de ministros, além da própria ideologia comunista corroboraram para uma decadência econômica, social e educacional que aproximam o Brasil para algo parecido com o que a Grécia passa hoje: um estado inchado que depende apenas da abundância de recursos para se manter, uma vez que eles se tornarem inviáveis, não haverá Alemanha para nos salvar.

Hoje pagamos uma das maiores parcelas de impostos do PLANETA, e temos terríveis índices de educação, renda per capita e distribuição de renda. Algo está errado, e a presidente não parece entender.

UM DOS MAIORES ROMBOS AOS COFRES PÚBLICOS NO PAÍS ESTÁ SENDO DIVULGADO – LAVA JATO -, O ENVOLVIMENTO DOS DOIS EX PRESIDENTES AINDA NÃO FOI PROVADO, COMO O VOCÊ VÊ O SENSO COMUM LIDAR COM ISSO? É SAUDÁVEL?

Saudável é a palavra certa. O envolvimento com Dilma Rousseff é quase intrínseco quando se observa a gestão dela no ministério de minas e energia durante o EXATO período no qual as empresas envolvidas foram acusadas de desvios. É como se o gerente de um escritório não visse os funcionários roubando tinta da impressora, mesmo tendo que trocar os cartuchos a cada 2h. Só que nesse caso a impressora é o bolso do brasileiro, os funcionários são de diversos partidos, a maioria dos quais aliados ao PT e as impressoras que recebem a tinta roubada têm estranhas ligações aos integrantes do partido.

É bom que o povo esteja envolvido pois se balançar bastante uma árvore, as frutas podres caem. Uma pressãozinha fará apenas bem ao país. O partido NÃO é importante. A imagem da presidente NÃO é importante. O país é. FHC restaurou uma economia estupidamente destruída, mas a imagem que ficou dele é de um egoísta malvadão. Não interessa, o país pós FHC ficou melhor que o pré FHC. É isso que importa.

AINDA SOBRE A LAVA JATO, MAIS DE 80% DOS ENVOLVIDOS NÃO PERTENCEM AO PARTIDO DOS TRABALHADORES, POR QUE ESSE PESO NAS COSTAS DO PT?

Leia a resposta anterior.

A MÍDIA HOJE, TODOS NÓS SABEMOS QUE TEM LADO, PORÉM ALGUMAS SABEM PONDERAR E OUTRAS (FAMOSO PIG) SIMPLESMENTE PERDERAM TODA A CLASSE E ESCANCARARAM SEU DESEJO DE MANIPULAÇÃO DE MASSA, COMO VOCÊ FAZ PARA SE INFORMAR SOBRE OS ASSUNTOS POLÍTICO-SOCIAIS?

A maioria das informações que eu angario são de jornais menores ou independentes. Mercado Popular, Brasil 247, Spotniks, na maioria. A parcialidade está em todos, então acesso os grandes também. É possível tirar informações importantes de todo lugar, é só estar disposto à filtrar. Leio bastante o Estadão, Folha, Carta Capital e de vez em quando me arrisco no mar cancerígeno da veja para resgatar alguns eremitas como Narloch ou alguns seletos textos do Reinaldo de Azevedo. O importante é a variedade.

O MAIOR PARTIDO DE OPOSIÇÃO DO BRASIL, PSDB, SEMPRE SE COLOCOU À DISPOSIÇÃO DE VOLTAR AO PLANALTO, ELES JÁ OFICIALMENTE ESTÃO APOIANDO AS MANIFESTAÇÕES DO PRÓXIMO DIA 16, COMO VOCÊ VÊ ESSE JOGO DOS TUCANOS?

PSDB talvez seja oposição de poder, mas não ideológica. Social democracia é um caminho menos à esquerda que comunismo, mas certamente não é oposição. No entanto, é necessário começar uma quebra de sistema, portanto só o fato de outro partido nomear alguns ministros, já fará uma boa diferença. Há de se ter em mente que a oposição do PSDB é frouxa e o partido não se preocupa muito com causas sociais, mas do jeito que está, não fará tanta diferença. O apoio à manifestação é portanto válido para conseguir melhor imagem para uma eleição presidencial.

UMA GRANDE PREOCUPAÇÃO DO POVO É QUE SE O PARTIDO DOS TRABALHADORES (OU ALGUMA ALA PROGRESSISTA) VIER A SAIR DO EXECUTIVO, MUITOS PROGRAMAS SOCIAIS PODERÃO SOFRER FORTES MUDANÇAS QUE PREJUDIQUEM OS INTEGRANTES, ALÉM DE COMUNIDADES BRASIL AFORA, COMO COTISTAS, GRUPO LGBT, MULHERES, INDÍGENAS E DEFICIENTES QUE TAMBÉM TEMEM UM REGRESSO EM SEUS DIREITOS, VOCÊ VÊ ALGUM PARTIDO POLÍTICO CAPAZ DE SEGUIR COM OS PROJETOS OU QUE MUDE PARA MELHOR A SITUAÇÃO DESSAS PESSOAS?

O PT usa as “minorias” como massa de manobra. Educar uma nação para reduzir os preconceitos é muito dispendioso e complicado. É melhor então manter o status quo e usar os programas sociais como grandes totens da igualdade. Um partido capaz de melhorar essa situação? No Brasil, ninguém além do NOVO parece pensar à longo prazo, mas a composição do mesmo está cheia de jovens revoltados. Precisamos de economistas e sociólogos, não de extremistas feministas seminuas ou conservadores evangélicos engomadinhos.

Acredito que o PSDB seria a solução mais agradável para a economia, mas em questão de social, o Partido Verde é bem mais consciente. Eduardo Jorge é um homem extremamente estudado em relação à movimentos sociais e um baita de um gestor. Ele seria um ótimo presidente, se tivesse a chance.

É POSSÍVEL CONFIAR EM MICHEL TEMER EM CASO DE IMPEACHMENT? -E EM EDUARDO CUNHA?

Olha, Temer parece um ótimo gestor e aprovou projetos que, embora não fossem de grande visibilidade, são muito interessantes. Também é relativamente preocupado com movimentos sociais e foi um dos nomes que eu menos vi nas investigações recentes, se é que vi. O problema vai ser convencer o povo que a maçonaria não quer dominar o mundo, rs.

Sobre Cunha: poder subiu à cabeça. Apesar de a oposição dele ser genuína, realmente ideológica, a visibilidade que ele tem ganhado ultimamente está preparando o solo para um plantio evangélico desnecessário. Se ele se preocupasse apenas em manter a bagunça sob controle, talvez fosse mais interessante.

O “PACTO PELA GOVERNABILIDADE” FOI O MAIOR ERRO DAS ÚLTIMAS ELEIÇÕES PRESIDENCIAIS, DILMA AGORA COLHE O FRUTO DE APERTAR A MÃO DO DIABO… COMO VOCÊ A GOVERNABILIDADE DA PRESIDENTA AMEAÇADA POR TER COMO ALIADOS MEMBROS DE UM PARTIDO COM FORTES TENDÊNCIAS A SE SEPARA E SE TORNAR (CASO TEMER OU CONHA ASSUMAM A PRESIDÊNCIA) O PARTIDO COM MAIS MEMBROS NOS DOIS PODERES?

Acho muito bom. Essas alianças são fadadas ao fracasso, é o preço da reeleição. Mas a separação seria, como eu já disse, uma troca de poderes, não de ideologia. A ideologia do Deus Estado tem que ser desconstruída, e esse não é o melhor caminho. Mas é uma opção.

VOCÊ VAI ÀS MANIFESTAÇÕES NO DIA 16 DE AGOSTO? POR QUÊ?

Se eu tiver tempo, quem sabe. Mas de início, acho que vou estudar mesmo.

A página pretende acompanhar de perto as manifestações do próximo dia 16 de Agosto, na cidade de Campinas-Sp. São esperadas 5mil pessoas no protesto.

#JESUISCUNHA (ou) A PIRAÇÃO IDEOLÓGICA DE MARISA LOBO

Nunca quis usar esse termo para me referir a políticos, pois acredito que exista o mínimo de decência em cada um. Mas já que ela perdeu as eleições, não me sinto no dever de cumprir isso.

Marisa Lobo, aquela Attentionwhore realmente precisa se ocupar mais. Nem os tratamentos de “cura gay” ou sua incessante luta no projeto “Maconha não” estão dando conta de suprir a necessidade dessa mulher de soltar asneiras. Seu último devaneio provavelmente não vence seu tweet sobre cromossomos, porém mostra o quão ignorante é essa oposição brasileira – spoiler eleições 2018 – que se considera “a única” (o resto é comunista) no Brasil.

O rompimento Dilma x Cunha era inevitável e até demorou mais do que o previsto. Uma progressista e um conservador controlando o país simplesmente não dá certo. Então todos começaram a escolher seus lados e Marisa Lobo escolheu o dela.

Adivinha? A “psicóloga cristã” publica em seu Twitter e Facebook a hashtag “Je Suis Cunha”. “Não sou massa de manobra, nem vendida ao PT”, também escreveu a “doutora”.

O que mais incomoda não é nem a explícita burrice de Marisa Lobo de querer um saco de atenção, visto que esfriaram as discussões sobre a famigerada “cura-gay”, é que está estampado em Marisa a mentalidade de muitos opositores do PT que, na realidade, são os maiores cabos eleitorais do partido, pois mostram dia-a-dia que é preferível um bando de mensaleiros no poder a esses conservas insanos.

11752173_507563462734637_4027063216005952289_n

Marisa Lobo, vou usar uma palavreado mais jovial e pós-moderno com você: Acha que tá arrasando, miga? Apenas pare.